Video da Semana

Como ser um gamer profissional e ganhar dinheiro por isso? Parte II

Caso você não queira depender financeiramente apenas dos campeonatos e deseja ser uma pessoa de maior profissionalismo e responsabildiade, existem diferentes caminhos a serem seguidos, de acordo com seu perfil individual. São eles:

PRO GAMER



O jogador profissional não é apenas um competidor. Ele é uma ferramenta de marketing para empresas do ramo. O grande Fatal1ty não ganhou tantos campeonatos como as pessoas imaginam. Ele soube vender sua imagem e associar-se a qualidade e excelência nos jogos e produtos que endossa. Quando era jogador, foi um dos primeiros a ter uma rotina de treinamento. O Pro Gamer deve estar na constante busca de patrocínios e parcerias, minimizando seus custos, maximizando sua exposição na mídia e administrando seus lucros. Devido a isso, é altamente recomendado o estudo do mercado financeiro para fazer o dinheiro render, aumentando seu patrimônio, além de constantes pesquisas sobre marketing pessoal e de marca. Lembre-se que no mercado pro-gamer não há espaço para jogadores medianos: apenas os melhores sobrevivem.

Conhecimentos necessários: expert em jogos, principalmente FPS. Conhecimentos financeiros e de marketing intermediários. Conhecimentos de gestão de pessoas básico.

Remuneração: uma média de R$2.000,00 mensais iniciais para os bons jogadores, podendo chegar a mais de R$10.000,00 com uma boa gestão dos recursos financeiros e uma boa imagem perante o mercado

Recomendações: só arrisque ser um Pro Gamer se você estiver entre os melhores ou você ficará decepcionado com os ganhos. Será necessário o estudo constante do mercado para que você mantenha sua posição entre os melhores.

TEAM PLAYER

Equipe INTZ

São muitos os jogadores profissionais que fazem parte de equipes ou guildas não apenas para poder participar de jogos que precisam de grupos, mas também para treinar, buscar patrocínios e apoio, facilitando a vida de um Pro Gamer ao compartilhar as responsabilidades. Você ainda tem que estar entre os melhores. Mas aqui, o grupo te ajuda a compensar possíveis perdas. Os mesmos conhecimentos e habilidades necessários a um jogador individual são obrigatórios nesta carreira. O trabalho em grupo pode ser muito difícil porém, extremamente recompensador. Recomendamos aos jogadores que optem por esta vida a contratação de um administrador financeiro e o registro do grupo em algum cartório ou algo do tipo, evitando que alguém tire proveito de vocês ou um membro magoado do grupo faça merda. Alguém no grupo deve ser eleito para lidar com questões financeiras e outro para lidar com as relações públicas, a imprensa e o networking. Quanto mais organizado, mais fácil será para vender a marca de vocês.

Conhecimentos necessários: avançado em jogos. Conhecimentos financeiros, marketing, gestão de pessoas e trabalho em grupo intermediários. Conhecimentos em gestão de marca básicos.

Remuneração: com os lucros divididos, a rentabilidade inicial gira em torno de R$1.000,00. Uma boa administração e gestão financeira e de marca pode levar esse valor facilmente para acima dos R$6.000,00.

Recomendações: para quem não tem muito dinheiro no começo da carreira, essa opção é uma boa, principalmente na hora de treinar. Vocês podem dividir os custos de computadores e acessórios, além de videogames da última geração. Custos de viagem também ficarão mais baratos ao dividir os gastos com gasolina e os custos das acomodações. Praticamente todos Pro Gamers fazem parte de equipes.


Comente com o Facebook: